• Kátia Abreu participa de Seminário em Gurupi sobre criação de carneiros

    Polo de Ovinocultura será instalado em Aliança, com recursos viabilizados pela parlamentar

    A senadora Kátia Abreu participou nesta segunda-feira (19) do seminário Aliança do Carneiro, realizado pelo Sebrae Tocantins e parceiros, em Gurupi. O evento teve como palestrantes o superintendente do Sebrae, Omar Henneman e o agrônomo Moisés Pinto Gomes. Estiveram presentes ainda o prefeito de Aliança, José Rodrigues da Silva, o presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae Tocantins, Pedro Ferreira, o empresário Pedro Ferreira e o presidente da Fecomércio, Itelvino Pisoni.

    Cerca de 40 produtores do Estado participaram do encontro que contou, ainda, com uma mesa redonda. A escolha de Gurupi para sede do debate se deu em função da criação do Polo de Ovinocultura, localizado na cidade de Aliança, com um raio de abrangência de 200 km. Ali, está sendo construído um frigorífico para abate de carneiros, com recursos da ordem de R$ 1,5 milhão, viabilizados pela senadora Kátia Abreu. Os recursos também se destinam à implantação de uma fábrica de ração.

    Para Kátia Abreu, a piscicultura e a ovinocaprinocultura devem ser estimuladas no estado. “Somos importadores de ovinos, apesar de termos muitos produtores e terra para a atividade”, disse. A parlamentar, para tanto, apresentou emendas para a construção do frigorífico de ovinocultura em Aliança. O projeto já recebeu demonstração de interesse de empresários sauditas, que querem comprar o produto tocantinense. “Fizemos um plano de negócios, um projeto, e entregamos ao Sebrae”.

    O projeto é da iniciativa privada e não tem qualquer participação do poder público. “Não vai ter qualquer interferência”, disse a Senadora, refutando iniciativas do governo de dar rumo ao projeto, sob tutela do Ruraltins. “Qualquer um será bem-vindo, mas quem decide os rumos são os produtores”, ressaltou a parlamentar. “Não estamos excluindo o poder público, mas os protagonistas aqui são os produtores”.

    Foto: Divulgação

  • Kátia Abreu reinicia agenda de campanha e visitará 30 cidades tocantinenses

    A senadora Kátia Abreu (PMDB-TO) reinicia suas movimentações pelo Tocantins nas campanhas de candidatos a prefeitos municipais. De quarta (14) a segunda-feira (19), a parlamentar percorrerá 30 municípios, fechando o primeiro ciclo de mais de 50 cidades visitadas.

    Kátia Abreu inicia suas ações de campanha esta semana em Lajeado e segue para Tocantínia, Divinópolis , Marianópolis e Caseara. Na quinta-feira (15), desloca-se a Aparecida do Rio Negro, Novo Acordo e fecha o dia em comício em Palmas.

    Na sexta-feira (16), a senadora vai a Goianorte, Couto Magalhães, Juarina, Colinas, Presidente Kennedy e Guaraí. No sábado (17) será a vez de Nova Olinda, Muricilândia, Santa Fé, Filadélfia, Babaçulândia e Araguaína, onde participa de comício do prefeito Ronaldo Dimas.

    Já no domingo (18), a agenda prevê participação em comícios e reuniões políticas de candidatos a prefeito nas cidades de Monte do Carmo, Silvanópolis e Porto Nacional, onde apóia a candidatura do prefeito Otoniel Andrade. A agenda finaliza na segunda-feira com ações de campanha em Gurupi.

    Mais informações à imprensa: (63) 3215-3838

    Foto: Divulgação

  • Kátia Abreu diz que nunca teve dúvida de que haveria justiça a Raul Filho

    Com base na Lei da Ficha Limpa, desembargador suspendeu a inelegibilidade de Raul Filho, restaurando seus direitos políticos até julgamento do mérito

    A senadora Kátia Abreu (PMDB-TO) disse nesta sexta-feira (26) nunca ter tido dúvidas quanto às decisões da Justiça sobre a candidatura do ex-prefeito Raul Filho e de sua condição para disputar a prefeitura de Palmas. O desembargador Nei Belo, relator de processo no Tribunal Regional Federal da 1ª Região, suspendeu expressamente  a inelegibilidade do candidato do PR.

    O pedido havia sido feito pelos advogados de Raul Filho na última quarta-feira (24) com base na Lei do Ficha Limpa, que autoriza, no artigo 26-C, o relator da revisão criminal a suspender a inelegibilidade quando considerar a viabilidade das alegações.

    O recurso havia sido apresentado pelos advogados Vicente Viana, Geovanne Amorim e Gedeon Pitaluga, que impetraram pedido de uma nova revisão criminal alegando que a condenação já deveria estar prescrita.

    Conforme a decisão, Raul Filho teve restabelecidas todas as condições jurídicas para disputar a eleição, até julgamento do mérito da revisão criminal. No recurso, os advogados alegam, dentre várias ilegalidades, o fato de as condenações a Raul já estariam prescritas. A decisão do TRF também tem desdobramentos no STJ, onde Raul obteve uma liminar na discussão sobre as penas.

    Foto: divulgação

  • Senadora Kátia Abreu participa de seminário do PSD na Capital

    A senadora Kátia Abreu lembrou aos candidatos que não basta ter os votos. É necessário cumprir a Lei de Responsabilidade Fiscal, ser político e ter uma boa dose de marketing para conseguir manter o mandato

    A senadora Kátia Abreu (PMDB) defendeu na manhã desta terça,  em seminário do PSD na Capital, que é necessário que os políticos representem os anseios da população.  Fazendo referência aos reajustes salariais aprovados pelo Congresso, a parlamentar  ressaltou que a classe política está ficando surda diante da população e que, entretanto, as soluções de todos os problemas passam necessariamente pela política.  “As corporações estão muito fortes, votaram aumento enquanto técnicos de enfermagem, agentes de saúde que não conseguem gritar não levam o que precisam”, disse. “Hoje os eleitores se manifestam durante os quatro anos e não de quatro em quatro anos como acontecia antes”, explicou Kátia Abreu.

    As declarações foram feitas em seminário promovido pelo PSD e do qual a senadora Kátia Abreu é uma das participaram ativamente de sua criação há cinco anos. A parlamentar, hoje no PMDB, participou da abertura do seminário a convite do presidente regional do partido, deputado federal  Irajá Abreu, que  reuniu do auditório da Federação da Agricultura do Estado  57 candidatos a prefeitos e dezenas de candidatos a vice e a vereadores. Participaram ainda da abertura o suplente de senador Donizeti Nogueira (PT), o deputado estadual Toinho Andrade e o suplente de deputado estadual Paulo Carneiro (PSD).

    A senadora Kátia Abreu lembrou aos candidatos que não basta ter os votos. É necessário cumprir a Lei de Responsabilidade Fiscal, ser político e ter uma boa dose de marketing para conseguir manter o  mandato, disse a Senadora exemplificando com a existência de mecanismos de fiscalização e controle, que estão mais transparentes. “Temos que administrar as prefeituras como administramos as nossas casas”, falou a parlamentar. “Acredito que na política temos que melhorar a vida das pessoas”, disse a Senadora para quem “política é uma questão de vida e não de vida ou morte”..

     

    Fotos: Divulgação
    Assessoria de Imprensa da Senadora Kátia Abreu – PMDB/TO
    Contato: (63)3215-3838

     

  • “O contrato terá que ser cumprido”, diz Kátia Abreu sobre duplicação da BR-153

    Senadora cobrou do Ministério dos Transportes andamento das obras na Belém-Brasília

    A senadora Kátia Abreu (PMDB-TO) cobrou o cumprimento do contrato de duplicação da Belém-Brasília (BR-153) durante audiência na Comissão de Serviços de Infraestrutura do Senado, nesta quarta-feira (13). “As obras não foram iniciadas até hoje, mas temos um contrato e ele terá que ser cumprido”, protestou.

    Diante da cobrança da senadora, o Secretário de Gestão dos Programas de Transportes, Luciano de Souza Castro – presente na audiência -, agendou uma reunião entre a senadora, o Ministério dos Transportes e o diretor-geral da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Jorge Bastos, a fim de discutir o andamento da obra. O trecho previsto para duplicação sai de Anápolis (GO), passa por Gurupi (TO) e chega até Aliança do Tocantins (TO).

    “Nessa reunião espero chegarmos a uma conclusão. Ou a empresa inicia a obra ou passa adiante para nova licitação, porque há um contrato a ser cumprido e deverá ser cumprido com multas e prazos bastante claros”, afirmou. “Precisamos de uma solução definitiva sobre qual caminho devemos buscar para concluir essa duplicação devido ao volume enorme de veículos”.

    A duplicação da Belém-Brasília, demanda antiga de goianos e tocantinenses, está paralisada devido ao envolvimento na Operação Lava Jato da construtora Galvão Engenharia, empresa que assumiu a concessão do trecho. Na semana passada, Kátia Abreu apresentou requerimento de informações ao Ministério dos Transportes sobre o andamento da obra.

    Assista ao vídeo no qual a senadora explica a situação da obra:

    Foto: Pedro França/Agência Senado

  • Kátia Abreu cobra andamento da duplicação da rodovia Belém-Brasília

    Senadora apresentou pedido de informações ao Ministério dos Transportes

    A senadora Kátia Abreu (PMDB-TO) apresentou nesta quarta-feira (6) pedido de informações ao Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil sobre o andamento das obras de duplicação da BR-153, conhecida como Belém-Brasília, no trecho entre Anápolis (GO) e Aliança do Tocantins (TO).

    As obras de duplicação, demanda antiga de goianos e tocantinenses, estão paralisadas devido ao envolvimento na Operação Lava Jato da construtora Galvão Engenharia, empresa que assumiu a concessão do trecho. Kátia Abreu lembrou que a rodovia, bastante movimentada, registra centenas de acidentes todos os meses. O Requerimento foi apresentado à Comissão de Serviços de Infraestrutura do Senado Federal.

    “Estamos aflitos. São centenas de acidentes devido à via única. Queremos saber o que está sendo encaminhado. Estávamos tentando negociar a passagem dessa obra para uma outra empresa, mas devido às dificuldades dessas negociações, pedidos de concordata, pedidos de falência, tornaram-se sem efeito as primeiras negociações”, disse a senadora durante reunião da comissão nesta quarta-feira.

    Anéis viários
    Ainda durante a reunião da comissão, a senadora Kátia Abreu manifestou apoio ao Projeto de Lei do Senado 702/2015, que determina a separação das rodovias federais das vias urbanas e procura reduzir os impactos negativos nas cidades.

    “É normal que se faça o anel viário porque é natural que a cidade cresça, de desenvolva, as pessoas progridem, graças a Deus. É necessário garantir a segurança dessas vias. Isso aflige as cidades diariamente. Todos os dias acabam ocorrendo acidentes. Quero dar todo apoio a esse projeto e falar do quanto ele é contemporâneo, porque vemos essas situações em todos os estados”.

    A senadora deu como exemplo a cidade de Colinas (TO), por onde passam a Rodovia Transamazônica (BR-230) e a Belém-Brasília (BR-153). “Centenas de caminhões atravessam diariamente a avenida principal da cidade”.

    Foto: Pedro França/Agência Senado

  • Kátia Abreu vai percorrer 10 municípios do Tocantins nos próximos três dias

    Parlamentar vai a lançamento de pré-candidaturas a prefeito, retomando o roteiro da região Sul do Estado que iniciou na semana passada
    A senadora Kátia Abreu (PMDB-TO) retoma a partir desta quinta-feira (16) roteiro de movimentações políticas pelo interior do Tocantins com visitas a 10 municípios em três dias. Nesta noite, participa da abertura oficial da Exposição Agropecuária de Gurupi e, na manhã de sexta-feira (17), reúne-se com o prefeito Laurez Moreira (PSB).

    Depois de conversações com o prefeito de Gurupi, Kátia Abreu participa do lançamento da pré-candidatura à reeleição do prefeito Zé da Máquina (PSD), na cidade de Cariri. Depois,  vai a Figueirópolis, onde faz reuniões com lideranças do município e recebe demandas da população.

    Kátia Abreu almoça na cidade de Talismã, no lançamento da pré-candidatura do ex-prefeito Mozaniel Falcão (PSD). Às 15h, prestigia o lançamento da pré-candidatura de Paulo Antônio (PSD), na disputa pela prefeitura do município de Alvorada. A parlamentar encerra a sexta-feira participando, em Formoso do Araguaia, do lançamento da pré-candidatura do ex-prefeito Hermes Azevedo (PSD).

    A senadora vai no sábado pela manhã a Aliança do Tocantins para o lançamento da pré-candidatura de Sara Cristina Garcia (PSD) – hoje vice-prefeita – na disputa pela prefeitura do município. Almoça em Crixás, também no lançamento da pré-candidatura à reeleição do prefeito Gean Ricardo Mendes Silva (PSD). Às 15 horas estará em Santa Rita, no lançamento da pré-candidatura à reeleição do atual prefeito Arthur Cayres Maia (PSD), finalizando a programação na cidade de Fátima, no lançamento da pré-candidatura do ex-prefeito Washington Vasconcelos (PSD).

    Foto: Priscilla Mendes

  • Kátia Abreu visita obras e reúne lideranças em cinco municípios do Tocantins

    A senadora Kátia Abreu (PMDB-TO) participou no último sábado (11) da inauguração do Parque de Exposições Agropecuárias de Palmeirópolis e da abertura da feira daquele município. Saudada por cerca de 5 mil pessoas, ela destacou a importância daquele parque, construído com recursos viabilizados pela parlamentar. Além de Palmeirópolis, ela esteve em cinco cidades do Sudeste e Sul do Tocantins nesse final de semana: Natividade, Paranã, São Salvador e Jaú do Tocantins.

    Kátia Abreu foi recepcionada na cidade pelo prefeito Fábio Pereira Vaz (PSD), pré- candidato à reeleição, com quem visitou obras de asfaltamento de avenidas, reforma e equipamentos hospitalares, também com verba conseguida pela senadora.

    A movimentação política da senadora Kátia Abreu no final de semana a cinco municípios do Sudeste e Sul do Estado (que receberam cerca de R$ 4,7 milhões em recursos da senadora Kátia Abreu e do deputado Irajá Abreu nos últimos anos) iniciou-se na sexta-feira, 10, em Natividade, quando a parlamentar manteve reunião com o prefeito da cidade, Albany Siqueira, ex-prefeito Joaquim do Posto e lideranças políticas locais. Já no sábado, a senadora Kátia Abreu participou de reunião com mais de 300 pessoas em Paranã, no pré-lançamento da candidata a prefeita do PSD no município, a ex-prefeita Edymê Costa. Do encontro participaram também candidatos a vereador.

    Ainda no sábado, a senadora se deslocou a São Salvador, onde cerca de 500 lideranças a esperavam para o lançamento da pré-candidatura à reeleição do prefeito Charles Evilácio (PSD). Já no domingo, Kátia Abreu esteve na cidade da Jaú do Tocantins, onde participou da inauguração do CRAS e da entrega de tratores. Também visitou obras das Unidades Básicas de Saúde, construídas com recursos de emendas da parlamentar e participou do pré-lançamento da candidatura à reeleição do prefeito Onassys Moreira da da Costa (PSD) . Em seguida, recebeu lideranças do Sul do Estado em almoço na residência da ex-prefeita Eurides Rodrigues Araújo, quando tiveram oportunidade de apresentar as demandas de suas regiões.

    senadora Katia Abreu obras em jau (1)

    Kátia Abreu esteve nas obras das Unidades Básicas de Saúde, em Jaú do Tocantins

     

    Senadora visita aparque exposições de Palmeirópolis

    Senadora visita o Parque Exposições Agropecuárias de Palmeirópolis

    Fotos: Divulgação

  • União vai reincorporar 223,3 km da BR-010 no Tocantins

    A União vai reincorporar 223,3 km de trechos da BR-010 que foram transferidas ao Tocantins em 2002. A medida, aprovada nesta terça-feira (31) pelo Senado Federal, é uma demanda antiga do estado e viabilizará projetos de concessão e investimentos federais em manutenção e recuperação das vias.

    A reincorporação da malha está prevista na Medida Provisória 708/2015, editada em dezembro pelo governo Dilma Rousseff e enviada agora à sanção presidencial. O texto determina que, dos 14,5 mil quilômetros transferidos a 15 estados em 2002, mais de 10 mil voltam a ser controlados pela União.

    Somente no Tocantins, serão reabsorvidos para a malha rodoviária federal onze trechos da BR-010 que, juntos, somam 223,3 km (veja tabela abaixo). “Esta é uma demanda antiga dos tocantinenses. A federalização da BR-010 vai possibilitar maiores investimentos nessa importante via do estado”, afirmou a senadora Kátia Abreu (PMDB-TO).

    A medida será importante para garantir a execução do programa de concessões de rodovias federais e o andamento de obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) que não foram concluídas até dezembro do ano passado.

    Saiba mais
    O repasse de rodovias estaduais e do Distrito Federal à União foi autorizado pela MP 82/2002, editada em dezembro daquele ano. A proposta, porém, foi modificada pelo Congresso Nacional e por isso integralmente vetada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Para preencher a lacuna legal o Dnit foi autorizado por lei a investir nessas estradas até o fim de 2006. O prazo foi sucessivamente prorrogado até dezembro de 2015.

    Tabela BR010

     

     

  • Senadora Kátia Abreu beneficiou municípios do Estado com R$ 104 milhões no cargo de Ministra da Agricultura

    Recursos da ordem de R$ 104 milhões foram destinados aos municípios do Tocantins pela senadora Kátia Abreu, de 2015 a 30 de abril de 2014, no período em que esteve à frente do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.  Araguaína recebeu, no período, o equivalente a R$ 15 milhões e 800 mil. Em segundo lugar, veio Palmas, com recursos conseguidos pela senadora Kátia Abreu, no período, alcançando R$ 8 milhões e 200 mil. Gurupi também foi contemplado com a ação da senadora Kátia Abreu, recebendo um volume de recursos que se eleva a R$ 7 milhões e 500 mil. Paraíso recebeu R$ 8 milhões e Porto Nacional R$ 4 milhões.

    Os recursos viabilizados pela senadora e ex-ministra Kátia Abreu destacam-se na saúde, com a habilitação de três centros de traumas tipo III nos Hospitais Geral de Palmas, Gurupi e Araguaína, com impacto de custeio da ordem de R$ 4.463.126,23.  A senadora Kátia Abreu também viabilizou no período R$ 30 milhões para as escolas de tempo integral de Natividade, Miranorte, Pedro Afonso, Paraiso, Guaraí e Tocantinópolis, todas com 12 salas. Cada escola contemplada com uma verba de R$ 5 milhões.

    Além disso, a senadora e ex-ministra Kátia Abreu viabilizou R$ 6 milhões (100% empenhados e 100% analisados pelo MAPA) para a aquisição de 30 tratores distribuídos aos municípios do EStado. A senadora Kátia Abreu também destinou recursos  de R$ 8 milhões e 750 mil para a recuperação de estradas vicinais em 34 municípios do Estado. Mais 18 municípios foram beneficiados com R$ 5 milhões destinado a asfaltamento.

    Para a defesa agropecuária, a senadora Kátia Abreu repassou ao Estado do Tocantins o equivalente d R$ 2 milhões em 2015 e 2016. Por intermédio do Ministério da Agricultura, a então ministra Kátia Abreu viabilizou R$ 3 milhões e 450 mil para as feiras agropecuárias do Estado. E  mais R$ 5 milhões e 800 mil para os centros de referência da assistência social (recursos do Ministério do Desenvolvimento Social) beneficiando 16 municípios, recursos pagos em 2016.

    Confira o quadro de ações e liberação de recursos pela senadora e ex-ministra Kátia Abreu para os  municípios do Estado de 2015 a abril de 2016.

    AÇÕES MINISTRA – EMENDAS

Página 6 de 7« Primeira...34567