“Tocantins – Catarata Zero”, criado pela senadora Kátia Abreu, começa operar em Palmas

21 pessoas foram operadas nos primeiros dias. Até março serão 2 mil apenas em Palmas

“Tocantins – Catarata Zero”, criado pela senadora Kátia Abreu, começa operar em Palmas
SAÚDE 0 Comentário(s) 10/01/2020

 

O maior programa de cirurgia de caratas do estado, “Tocantins – Catarata Zero”, idealizado por Kátia Abreu, já começou em Palmas. Mais de 20 pessoas já foram operadas na capital, em 26 procedimentos cirúrgicos. A previsão é que, em até 90 dias, sejam realizadas aproximadamente 2 mil cirurgias.

Nesta sexta-feira (10), as cirurgias foram realizadas no Hospital Oftalmológico de Brasília (HOB), pelo médico especialista Antônio José Telles que parabenizou a senadora pela iniciativa e avaliou o programa como um projeto pioneiro no Estado.

“É com muita honra e satisfação que estamos fazendo parte da história de Palmas e do Tocantins”, declarou.

Na última terça-feira, foram realizados 11 procedimentos cirúrgicos e hoje mais 15. O objetivo é zerar as filas de espera por esse tipo de cirurgia na rede municipal de saúde, em todo o Tocantins.

Nessa primeira etapa do programa “Tocantins – Catarata Zero” as cirurgias serão realizadas em seis municípios – Palmas, Paraíso do Tocantins, Porto Nacional, Gurupi, Tocantinópolis e Araguaína, de forma que contemple todos os 139 municípios tocantinenses.

Em todas as cidades polo, o “Tocantins - Catarata Zero” é uma parceria entre a Prefeitura municipal com a senadora Kátia Abreu, que destinou para o programa mais de R$ 6 milhões, por meio de emenda parlamentar. Para Palmas, o valor liberado pela senadora foi de R$ 1.814.889,00.


Participações Recentes


Participe do Meu Mandato

Meu Instagram

Twitter