Atendendo pedido de Kátia Abreu, governo suspende exigência que dificulta a atividade rural

Mudanças na emissão de nota fiscal eletrônica estavam prejudicando produtores rurais do Tocantins

Atendendo pedido de Kátia Abreu, governo suspende exigência que dificulta a atividade rural
AGRONEGÓCIO 0 Comentário(s) 10/05/2019
Em visita a Agrotins nesta sexta-feira (10), a senadora Kátia Abreu (PDT-TO), apresentou ao secretário da Fazenda, Sandro Henrique, problemas que produtores rurais estão enfrentando após a nova exigência que dificulta e burocratiza a emissão de nota fiscal eletrônica na pecuária. Acompanharam a parlamentar presidentes de sindicatos rurais do Tocantins.
A medida que está na Instrução de Serviço N° 002/2019, foi imediatamente suspensa pelo secretário da Fazenda , que se comprometeu com a FAET de reavaliar as condições de uma nova publicação. "As regras, após a suspensão, continuarão sendo as anteriores (documento de identidade do produtor ou a procuração do seu representante)", comemora Kátia Abreu. 
Na reunião, Kátia conseguiu estabelecer com o secretário pautas para produtos minerais. "Hoje no Tocantins só temos pauta mineral para seixo, areia e saibro. A consequência desta situação traz prejuízos aos cofres do Estado e dos municípios", destacou. Kátia também solicitou a criação de um grupo de  trabalho, entre governo e iniciativa privada, para estabelecerem a pauta dos produtos agropecuários em comum acordo.

Participações Recentes


Participe do Meu Mandato

Meu Instagram

Twitter